Ser ou não ser maquiadora

Ainda no clima Lisa Eldrige, encontrei este video onde ela dá conselhos para quem quer trabalhar como maquiador(a) profissional:

Achei bem realista.

p.s. finalmente aprendi a postar video uhu!!

Aniversário do Cosme-De.Com

O site cosme-de.com faz aniversário de 3 anos e esta oferecendo a compra de um cupom de $3 dolares que pode ser trocado por 30 dolares em produtos!!!

Vai ser minha primeira compra mas sempre leio boas critícas sobre o site.

Bolsa Chanel de crochê

Estava eu fazendo minha visita semanal ao site da Lisa Eldrige, super maquiadora e guia espiritual, quando me deparo com a foto desta bolsa:

Ela é parte da coleção Primavera/Verão 2010 da Chanel, com inspiração na vida campestre, feita toda de crochê creme, inclusive na alça de metal e decorada com flores – crisântemo vermelho e bem me quer.

Adoro peças de lã nesses tempos frios então me apaixonei por ela, nem parece coisa que vovozinha rs

Então, aproveitando o espirítito crocheteira que baixou em mim (já rendeu um cachecol e outro na agulha) acho que vou tentar fazer alguma coisa parecida.

Aproveitando o espiríto crocheteira que baixou em mim (já rendeu um cachecol e outro na agulha) pensei em tentar fazer alguma coisa parecida, no Blog da Carla Artesanato  ela ensina como fazer a bolsa quem tem pontos em crochê peruano (nem sabia que isso existia!!!) e aqui video que ensina como fazer os pontos, boa sorte pra gente? rsrs

Ainda no espiríto chanel crocheteiro, eis algumas peças da mesma coleção para ter inspiração (rimou lol):


Eva Green e seus olhos delineados

Meu novo vício em seriados é Camelot, ainda não estreiou por aqui mas ja dá para assistir pela web. Eva Green interpreta Morgana, a meia irmã de Arthur e novamente usa os olhos bem delineados, quando eu crescer e tiver coordenação motora vou fazer a mesma coisa rsrs. Então aproveitando o ensejo, eis alguns momentos cinematográficos da Eva Green e seus olhos delineados:

Camelot como Morgana a fada.

Cruzada como Sibylla. Encontrei uma entrevista antiga onde ela conta que o calor do Marrocos era insuportável e por isso a maquiadora não usava base e os olhos eram delineador com lápis para dar aquele olhar característico das mulheres do oriente.
007 Casino Royale comoVesper Lynd (onde conheci meu marido Daniel Craig hehe)

“Ah se eu tivesse pele branquinha”

Recentemente fiz um curso de maquiagem profissional e uma das dicas do professor é que, tem que prestar atenção em novela para ver tendências, o que vai ser procurado. Bem, não sou fã de nossas novelas (adorooo um dramalhão mexicano com aqueles exageros de figurino, maquiagem, lagrimas haha) mas comecei a prestar atenção nas chamadas e fiquei encantanda com o cabelo da Luciana Vendramini, na chamada a cor gritava na tela então fui procurar:

 

parecia um loiro puxando para o ruivo mas descobri que a cor é Ruivo Acaju, lindo não? Ah se eu tivesse pele branca, ah se tivesse. Não consegui achar uma imagem legal, acho que é porque a personagem ainda não apareceu (ou apareceu?) mas já dá para ter uma idéia:

E falando em cores fortes, a atriz Christina Hendricks, que faz a Joan em Mad Men (viciei!) ostenta um ruivo lindo, que combinado com sua pele branquinha deve ser um sonho para qualquer figurinista montar um guarda roupa e poder brincar com essas cores:



Duas das minhas combinações favoritas, vestido verde e azul royal (ah se eu tivesse pele branquinha!)

Meio a meio também adoro a cor do cabelo da cantora Kate Nash que é um Castanho Avermelhado:

Florence da banda Florence And The Machine’s também é outra que abusa das madeixas vermelhas e tem pele branquinha, praticamente uma palheta de cores.

Ruivos para todos os gostos, ah se eu tivesse pele branquinha… rs

Site Eudora

O site da Eudora oficialmente entrou no ar hoje.

Ele traz uma proposta diferente, além de informações dos produtos, dicas de utilização, compra on line, frete calculado pelo cep e com cartão de crédito, também é possível montar uma lista de desejos e compartilhar no Facebook, Twitter ou mandar por e-mail:

Ótima para aquela dica amiga!

Anna Wintour Revealed

O site da Vogue Brasil publicou o link de um documentário que o canal Bloomberg fez sobre a Anna Wintour, editora chefe super poderosa da Vogue americana.

O documentário que tem 25 minutos se chama The Game Changers: Anna Wintour Revealed (link aqui) e fala brevemente sobre a vida de Anna, sua infância na inglaterra, o começo de sua carreira trabalhando na revista britânica Harpers & Queen, o trabalho na primeira revista americana a HARPER’S BAZAAR, depois como editora de moda da VIVA uma revista do dono da PENTHOUSE, depois como editora de moda da NEW YORK MAGAZINE, o convite para trabalhar para o grupo Conde Nast na VOGUE americana mas como Diretora Criativa, um cargo criado somente para ela, sempre com um olhinho no cargo de Editora Chefe foi promovida como Editora Chefe da VOGUE britânica onde ela repaginou a revista tornando mais atrativa para o público, a volta aos EUA para trabalhar na HOUSE & GARDNER, do mesmo grupo, onde modificou a revista colocando artistas na revista e finalmente o cargo de Editora Chefe da VOGUE americana onde ela revolucionou a maneira de publicar a revista, trazendo fotógrafos renomados, mais propaganda, assumindo riscos e revolucionando o mundo da moda. O documentário traz entrevistas com pessoas que trabalharam perto de Anna, alguns amigos como Vera Wang, trechos de raras entrevistas que ela concedeu, suas contribuições para o mundo da moda como a criação do Council of Fashion Designers of Americana CFDA, o Fashion’s Night Out, que inicialmente foi criado para alavancar as vendas durante a crise de 2008, o Metropolitan Museum of Art’s Annual Costume Institute Gala – American Woman, criado para salvar o “costume department” do museu, cita o documentário The September Issue, a maior edição publicada pela revista e o filme O Diabo Veste Prada.